Carregando...

Consultor Jurídico: saiba como otimizar o seu tempo

Scroll Down

Veja o que faz, onde atua e como é o mercado de trabalho para um consultor jurídico, além dos desafios e ferramentas para ajudá-lo.

O meio jurídico oferece muitas possibilidades aos profissionais formados na área do Direito para além da advocacia. Uma das opções é atuar como consultor jurídico para empresas ou pessoas, auxiliando-os no cumprimento da legislação e na prevenção de conflitos.

Neste post, veja o que é e o que faz um consultor jurídico, e em que áreas pode atuar. 

Confira os principais desafios para os profissionais da área jurídica, porque a tecnologia é importante e quais os benefícios de utilizá-la.

Consultor Jurídico: saiba como otimizar o seu tempo

O que é um consultor jurídico?

Consultor jurídico é o profissional que atua na prestação de serviços que têm como foco oferecer orientações para empresas ou pessoas em relação a questões jurídicas, diagnosticando possíveis problemas e formulando soluções. 

O objetivo é assegurar que os atos do cliente estejam dentro da legalidade, auxiliá-lo para tomar decisões e adotar soluções que sejam mais adequadas para o seu negócio.

Importante destacar que o consultor jurídico não é quem vai representar o cliente, seja indivíduo ou empresa, nos processos. 

Seu papel é apenas auxiliar nos assuntos legais com os quais essas pessoas ou organizações se envolvem.

O que um consultor jurídico faz?

O consultor jurídico atua, principalmente, na prevenção de irregularidades e conflitos. 

Devido à complexidade e à dinamicidade da legislação brasileira, esse profissional desempenha o importante papel de acompanhar as constantes mudanças e auxiliar seus clientes no atendimento aos requisitos legais envolvidos em cada caso.

Especificamente em empresas, o consultor jurídico é alguém que deve atuar de forma próxima à gestão e levar em consideração os interesses e necessidades da organização para auxiliar no desenvolvimento de estratégias preventivas.

Entre as principais atribuições de um consultor jurídico, está a análise completa da situação para que foi contratado e a apresentação das medidas que podem ser adotadas em benefício do seu cliente.

Desta forma, um consultor jurídico pode ser contratado para:

  • Atuar na prevenção de erros;
  • Auxiliar na elaboração e interpretação de contratos;
  • Dar suporte em processos judiciais;
  • Esclarecer dúvidas sobre a legislação.

Independentemente do tipo de caso para o qual foi requisitado, a atuação do consultor traz mais segurança jurídica ao cliente, especialmente para as empresas, porque garante o atendimento à legislação e ajuda na redução de riscos e custos.

Qual é o salário de um consultor jurídico?

Qual O Salario De Um Consultor Juridico Min 1024x816

De acordo com o site Salário, com base em mais de 4.500 remunerações analisadas, um consultor jurídico ganha, em média, R$ 5.287 no mercado de trabalho brasileiro. O valor é relativo a uma jornada de 41 horas semanais.

Baseando-se nos acordos, convenções coletivas e dissídios, a média do piso salarial de 2021 para os profissionais da área fica em R$ 4.826, sendo que o teto pode ultrapassar os R$ 14.000.

O site também informa a média salarial nas principais cidades do Brasil:

  • São Paulo: 41 horas semanais – R$ 7.635;
  • Rio de Janeiro: 41 horas semanais – R$ 9.407;
  • Brasília: 43 horas semanais – R$ 5.310;
  • Belo Horizonte: 42 horas semanais – R$ 4.066;
  • Curitiba: 41 horas semanais – R$ 3.224.

Porém, é importante dizer que esses valores podem variar bastante. Para se ter uma ideia, de acordo com o site Vagas, a média dos salários para consultor jurídico, segundo os valores informados pelos candidatos cadastrados, é de R$ 4.223, podendo ultrapassar os R$ 8.300 conforme a experiência do profissional.

Leia mais: Jurimetria: conceito, pilares e 5 vantagens para o direito

Áreas de atuação de um consultor jurídico

Para atuar como consultor jurídico, o profissional deve ser obrigatoriamente formado em Direito e ter registro ativo na OAB. 

Geralmente, quem decide trabalhar nessa área acaba se especializando em um campo específico do Direito. Nesse sentido, dentre as áreas em que o consultor pode atuar estão:

  • Contratos;
  • Direito do Consumidor;
  • Direito Empresarial;
  • Direito Imobiliário;
  • Direito Previdenciário;
  • Direito Societário;
  • Direito Trabalhista;
  • Direito Tributário;
  • Lei Geral de Proteção de Dados (LGPD);
  • Licitações;
  • Planejamento sucessório;
  • Propriedade intelectual.

Como é o mercado de trabalho para o consultor jurídico?

O site Salário informa que, entre fevereiro e novembro de 2020, houve uma queda de 17,25% nas contratações de profissionais da área com carteira assinada e em regime integral.

O portal ainda traz uma lista com os tipos de empresas que mais empregam consultores jurídicos no Brasil. São elas, de acordo com o segmento de atuação listados na Classificação Nacional de Atividades Econômicas (CNAE):

  • Serviços advocatícios;
  • Atividades de consultoria em gestão empresarial;
  • Serviços combinados de escritório e apoio administrativo;
  • Locação de mão-de-obra temporária;
  • Atividades de contabilidade;
  • Tratamento de dados, provedores de serviços de aplicação e serviços de hospedagem na internet;
  • Atividade de teleatendimento.

O profissional com formação em Direito também pode exercer o cargo de consultor jurídico no setor público por meio da aprovação em concursos. 

De uma maneira geral, a carga horária tende a ser menor nas instituições estatais, enquanto que o salário médio fica em torno de 1% maior do que nas empresas privadas.

Desafios para o profissional da área jurídica

Desafios Para O Profissional Da Area Juridica Min 1024x685

Toda carreira possui desafios específicos, e na área jurídica não é diferente. De formandos a profissionais experientes, algumas das principais dificuldades são:

Concorrência

Em 2019, o Brasil bateu a marca de mais de 1 milhão de advogados inscritos na OAB. Isso representa um profissional da área para cada 190 habitantes. 

E isso mostra como se trata de um mercado altamente saturado e disputado, o que causa uma desproporção entre a oferta de profissionais e a demanda de serviços jurídicos.

Honorários

Quando a concorrência é exacerbada e há uma grande quantidade de opções, a disputa por preços pode resultar em uma baixa dos valores praticados no mercado, o que desvaloriza a classe como um todo. 

Marketing jurídico

Uma das soluções para um cenário quantitativo é apostar na qualidade. Para os profissionais da área jurídica, tornar-se autoridade na área a que se dedica é essencial para atrair novas oportunidades.

E, nesse sentido, o marketing jurídico é outro conhecimento necessário no mercado atual. Trata-se de uma alternativa para que o profissional do Direito possa fortalecer a imagem, ganhar visibilidade e conquistar espaço no mercado.

Tecnologias

O Direito é um campo reconhecidamente conservador e tradicionalista, e é comum que os profissionais da área não se atentem às tecnologias que têm à sua disposição. 

Um dos grandes desafios enfrentados por esses profissionais é justamente se preparar para a adoção de ferramentas, aplicativos e sistemas, instrumentos fundamentais para ganhar tempo e otimizar sua atuação.

Importância da tecnologia no trabalho do consultor jurídico

Na carreira de consultor jurídico, bem como para tantas outras nessa área, a tecnologia é excelente para tornar processos mais simples e trazer mais economia. 

Essas soluções auxiliam desde a gestão e controle de processos e prazos até o gerenciamento de finanças e a captação de clientes. Além disso, são fundamentais para reduzir a burocracia.

Por tudo isso, a tecnologia é essencial para quem deseja crescer e se destacar no mercado jurídico. 

O uso de inovações tecnológicas por parte do consultor impacta diretamente na sua rotina de trabalho e traz uma série de benefícios – os quais veremos em seguida – que influenciam em aspectos que vão desde a redução de custos operacionais e gerenciais à maior satisfação dos clientes.

Nesse sentido, é importante destacar que as automações proporcionadas pelas tecnologias no meio jurídico abrem novas possibilidades para os profissionais da área desenvolverem novas habilidades, como gestão e análise estratégica de negócios. Esses conhecimentos são cruciais para encarar um mercado competitivo.

Assim como acontece em outras áreas, quem atua no jurídico deve estar antenado e investir nas ferramentas que tem à sua disposição neste setor. 

Caso contrário, quem não se adequar às mudanças corre o risco iminente de ser ultrapassado pela concorrência e não resistir ao mercado.

Leia mais: Inteligência Jurídica: como a tecnologia pode resolver três grandes desafios da área

Benefícios de usar ferramentas na área jurídica

Beneficios De Usar Ferramentas Na Area Juridica Min 1024x302

Produtividade

O uso de ferramentas, como softwares jurídicos, ajuda o profissional do Direito a melhorar sua produtividade. 

Entre outras coisas, a automatização agiliza e organiza as tarefas mais operacionais, além de facilitar a busca por informações. 

Com mais tempo livre, é possível focar em atividades que realmente importam, aumentar a produtividade e melhorar a qualidade dos serviços prestados.

Competitividade

Otimizando o tempo, é possível absorver novas demandas. Assim, a empresa ou profissional consegue lidar com vários casos simultaneamente, sem que isso impacte na qualidade e na taxa de sucesso de seus serviços. 

Além disso, a tecnologia permite mais personalização no atendimento a clientes,o que ajuda a oferecer uma experiência de mais qualidade e a garantir a satisfação.

Organização

Além dos ganhos em desempenho, as ferramentas voltadas para a área jurídica garantem uma maior organização da rotina de trabalho, seja nos processos judiciais ou na gestão de clientes.

Com o auxílio de softwares e aplicativos, é possível organizar todas as informações relevantes e mantê-las acessíveis a qualquer instante por meio da computação em nuvem, por exemplo.

Com mais organização, o profissional da área jurídica também consegue manter um maior controle sobre os prazos de entrega de documentos, depoimentos ou declarações, e evita atrasos que podem gerar perdas financeiras e reputacionais.

Redução de custos

As ferramentas tecnológicas são grandes aliadas de quem atua na área jurídica em diversas frentes. 

Essas inovações vêm ganhando importância para a realização de reuniões e até mesmo para as negociações e fechamento de novos acordos.

A adoção desses recursos traz mais flexibilidade à rotina desses profissionais que, em virtude da falta de tempo e da agenda lotada, não podem se dar ao luxo de comparecer presencialmente em todos os lugares que precisam estar.

Tudo isso, somado ao aumento da produtividade e a uma maior organização, resulta em uma importante economia não apenas de tempo, como já citamos, mas também de recursos – financeiros e materiais.

Conheça as principais tecnologias para quem trabalha na área jurídica

Conheca As Principais Tecnologias Para Quem Trabalha Na Area Juridica Min 1024x685

Software jurídico

Realidade em boa parte dos escritórios de advocacia, essas plataformas auxiliam na rotina jurídica porque centralizam informações sobre profissionais, clientes e processos.

Também possibilitam a gestão administrativa e financeira, entre outras funcionalidades, como a automação de tarefas.

Aplicativos mobile

A mobilidade é um importante aliado de quem trabalha na área jurídica, pois confere mais agilidade e dinamismo ao trabalho. 

Por meio de tablets e smartphones, o profissional pode acessar plataformas jurídicas, serviços em nuvem e pesquisas com muito mais facilidade.

Serviços em nuvem

Diretamente ligado à mobilidade, a computação em nuvem permite o armazenamento e edição de dados, arquivos e mídias remotamente, de qualquer dispositivo com acesso à internet.

Mais do que isso, esses serviços costumam oferecer mais segurança, uma vez que são hospedados em servidores altamente seguros, o que reduz o risco de perda, roubo ou corrupção de informações.

Assinatura eletrônica e digital

A pandemia acelerou o processo de digitalização dos serviços jurídicos e duas das ferramentas mais importantes para isso são a assinatura eletrônica e digital. 

Embora tenham diferenças, ambas permitem às partes envolvidas acessar e assinar documentos de maneira remota e digital e de qualquer dispositivo.

Com o uso de certificados digitais, criptografia e outros recursos de segurança, elas apresentam validade jurídica e possibilitam mais agilidade à rotina do profissional da área, além de proporcionar economia com deslocamentos, impressões, idas ao cartório, etc.

Inteligência Artificial e Machine Learning

Uma das maiores tendências para o setor jurídico é o uso da Inteligência Artificial (IA). 

Recurso que vai além da simples automatização de atividades realizada pelos softwares jurídicos, a IA vem sendo utilizada por alguns escritórios, sobretudo no exterior, para auxiliar em pesquisas, fornecer resultados juridicamente embasados, e monitorar novidades em processos.

Nesse sentido, o Machine Learning aprofunda as funcionalidades da Inteligência Artificial, dotando as máquinas com a capacidade de aprendizado autônomo. 

Isso faz com que, quanto mais vezes for utilizado, mais o sistema aprende e mais preciso se torna.

Leia mais: Por que investir em tecnologia jurídica?

Como a Neoway pode ajudar a otimizar seu trabalho na área jurídica

A Neoway desenvolveu duas soluções voltadas para a área jurídica: o Neoway Lawsuits e o Neoway Legal

Baseadas em Big Data Analytics e em tecnologias complementares, como Inteligência Artificial e Deep Learning, nossas plataformas de Legal Analysis são capazes de dar mais previsibilidade às decisões judiciais e embasar estratégias jurídicas.

O Neoway Lawsuits conta com a maior base unificada de processos judiciais do país, com mais de 345 milhões de casos. 

Com informações atualizadas e sempre disponíveis, as ferramentas permitem às empresas do setor e aos departamentos jurídico e de Compliance das empresas tomar decisões com base em dados e de forma segura.

Já o Neoway Legal é uma solução de Inteligência Artificial desenvolvida para departamentos jurídicos de empresas e escritórios de advocacia. 

A ferramenta traz informações essenciais para planos de contingenciamento, predição de probabilidade de êxitos em processos, identificação de teses-raiz, detecção de fraudes, dentre outras funcionalidades que tornam as estratégias das empresas mais eficientes. 

Juntos, o Neoway Lawsuits e o Neoway Legal trazem mais inteligência jurídica às empresas, que passam a ter uma visão global dos seus processos, podem acompanhar em tempo real a distribuição de processo pelo Brasil, identificar tendências, padrões e até mesmo oportunidades de novos negócios

Consultor Jurídico: saiba como otimizar o seu tempo

Conclusão

Ao contrário dos advogados, o consultor jurídico atua de maneira muito mais preventiva, buscando formas para evitar novos problemas e conflitos, auxiliando seus clientes a interpretarem corretamente a legislação para agirem corretamente desde o princípio.

Saiba mais sobre as funcionalidades e aplicações de nossas soluções nestes dois conteúdos: 

Se você precisa melhorar a gestão jurídica da sua empresa, consulte nossos especialistas, conheça as soluções Neoway Legal Analysis e veja como podemos auxiliar a sua empresa por meio de uma tecnologia de ponta. Solicite uma demonstração!